tumor ocular

3 tumores oculares mais comuns no Brasil

3 tumores oculares mais comuns no Brasil

Os tumores oculares são pouco conhecidos, mas são relativamente comuns. Pouco se fala sobre tumorações nos olhos, até porque, ao pensar em formação de tumor, a tendência é lembrar dos cânceres mais populares, como o de mama, de próstata, colo do útero ou intestino, por exemplo.

Ao contrário do que muitos acreditam, a saúde dos olhos pode ser abalada por variados tumores. É importante discutir melhor acerca do tema e compartilhar informações relevantes sobre os cânceres oculares, a fim de preveni-los, quando possível. É essencial saber identificá-los, receber o diagnóstico precocemente e tratá-los de forma adequada, quando descobertos.

Quer conhecer os principais tumores oculares que atingem os brasileiros e ameaçam a saúde ocular? Fique de olho no artigo e saiba mais!

Principais tumores oculares no Brasil

1# Melanoma de coroide 

O melanoma de coroide é o tumor ocular mais comum em adultos brasileiros. Ele é maligno e atinge a região situada entre a retina e a área esbranquiçada em torno do globo ocular. Tal tumor é mais prevalente em pessoas brancas de olhos claro, além de indivíduos que apresentam pintas no fundo do olho.

A depender de sua localização e extensão, esse tumor pode ser assintomático. Quando ele se manifesta, o principal sinal é a visão embaçada. A descoberta costuma ocorrer em exames de rotina. Daí a necessidade de consultar o oftalmologista com regularidade. Esse é um importante fator de proteção.

Para tratar o melanoma de coroide, o ideal é aplicar uma placa radioativa que atuará diretamente sobre o tumor. Em alguns casos mais graves e avançados, a remoção do globo ocular é indicada.

2# Retinoblastoma 

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), o retinoblastoma é considerado o tumor ocular mais frequente entre crianças brasileiras. Esse tipo de tumor representa aproximadamente 8% dos casos diagnosticados e tratados no país. O retinoblastoma acomete as células da retina. A doença tem forte fator hereditário. 

Cumpre salientar que a tumoração pode aparecer em um ou nos dois olhos. A confirmação do quadro se dá a partir de fundoscopia, o exame do fundo de olho. Em relação ao tratamento, o protocolo inclui quimioterapia, utilização de laser e, até mesmo, remoção do globo ocular.

3# Linfoma intraocular

O linfoma intraocular está entre os tumores oculares mais comuns no Brasil, porém, ele é mais raro do que o melanoma de coroide e o retinoblastoma. Originada nas células do sistema imunológico, a doença normalmente afeta os dois olhos. 

Este câncer pode vir acompanhado de tumores cerebrais, sendo os seus principais sintomas: vermelhidão nos olhos, visão embaçada, inchaço ocular e manchas na visão. Por serem inespecíficos, tais sinais podem ser confundidos com indícios de outras doenças, o que dificulta o diagnóstico.

Idosos e pessoas com deficiências imunológicas são mais propensos ao desenvolvimento de linfoma intraocular. Este é um tumor mais agressivo e o tratamento envolve quimioterapia e radioterapia, na maioria dos casos.

Quer saber mais sobre tumores oculares? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como oftalmologista em São Paulo!

Posted by Dra. Erika Uchida in Todos